Terapia ocupacional para sequelados graves é destaque em Viena

maio 9, 2009 at 2:41 pm 2 comentários

A atuação em Cuidados Paliativos em áreas não-oncológicas é um tema de grande destaque neste congresso da Associação Européia de Cuidados Paliativos (AECP). Portadores de doenças degenerativas, pessoas com insuficiência cardíaca e respiratória graves, crianças com sequelas neurológicas e idosos são algumas das áreas abordadas.
Como militante e profissional da área de saúde da pessoa com deficiência, especialmente as graves, é com muita satisfação que observo uma variedade de trabalhos voltados portadores de deficiência grave, seja ela congênita ou adquirida. No curso pré-congresso sobre Musicoterapia em Cuidados Paliativos, Edith Zahler (psicóloga e musicoterapeuta em Viena) relatou sua experiência de intervenção com o paciente sequelado neurológico grave, especialmente nos casos de pacientes no chamado coma vigil, ou como ela prefere chamar, “pacientes minimamente responsivos”. O uso da música é ressaltado como uma possibilidade de interação e comunicação com este paciente.
A partir dos conceitos dos Cuidados Paliativos, H. Christof Müller-Busch (médico em Berlim), ressaltou a importância de proporcionar experiências potencializadoras e criativas através da música, mesmo em pacientes com incapacidades severas. A atuação da equipe de reabilitação em Cuidados Paliativos foi enfatizada em uma sessão específica coordenada pelo fisioterapeuta Rainer Simader, da cidade de Wels, na Áustria. Percepção de capacidades, promoção da independência, conforto e controle de sintomas foram alguns dos objetivos da reabilitação ressaltados.
Na sessão de pôsteres, vários descreviam atuação em Cuidados Paliativos em pacientes portadores de deficiências físicas e/ou mentais. O trabalho da enfermeira Shiraz Irani, desenvolvido pela Hope Healthcare na Austrália, foi particularmente interessante, relatando sua experiência em Cuidados Paliativos com pacientes portadores de deficiências múltiplas congênitas e atrasos no desenvolvimento, reforçando a complexa gama de necessidades destes pacientes, e a possibilidade de melhoria de sua qualidade de vida através da intervenção paliativista.
Ainda que o paciente tenha importantes incapacidades, deve haver espaço para a promoção de suas potencialidades, em um contexto de respeito à sua história de vida e desejo, bem como o de sua família (que deve ser incluída no cuidado). A vida deve ser significativa até o último momento, e a intervenção em Cuidados Paliativos abre possibilidade de promoção da dignidade e da real qualidade de vida do paciente com seqüela neurológica grave.
Saudações PaliAtivistas,
Marilia Othero, terapeuta ocupacional do Hospital Premier (SP)
Viena , 08 de maio de 2009

About these ads

Entry filed under: Uncategorized. Tags: .

ANCP presente no 11o. Congresso de Cuidados Paliativos da AECP Foco na qualidade em Viena

2 Comentários Add your own

  • 1. Jose  |  setembro 30, 2009 às 3:19 pm

    Parabéns pelo seu blog adorei mesmo. Muito objetivo e interessante. Continue sempre assim. Seja bem vindo também se quiser a conhecer meus sites de psicoterapia e plantão psicológico http://www.prontosocorrodaalma.com.br .
    Seu blog é nota 10!!!
    beijos

    Resposta
    • 2. cuidadospaliativos  |  outubro 3, 2009 às 9:15 pm

      Olá Pronto Socorro da Alma

      Agradecemos os seus elogios e participação.
      Abraços,
      Academia Nacional de Cuidados Paliativos

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Páginas

maio 2009
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Posts Recentes

1o. Ciclo de Cinema e Reflexão 12o. Congresso Europeu de Cuidados Paliativos 12o. World Congress of Pain 12th Congresso Mundial de Dor Academia Nacioanl de Cuidados Paliativos Academia Nacional de Cuidados Paliativos Associação Latino-Americana de Cuidados Paliativos Associação Médica Brasileira Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos Bioética CFM. Academia Nacional de Cuidados Paliativos Ciclo de Cinema e Reflexão Cinemateca Brasileira Cláudia Burlá Conselho Federal de Medicina cuidados paliativos Câncer Dalva Yukie Matsumoto Dia do Paliativista Dia Mundial de Cuidados Paliativos Diretivas Antecipadas de Vontade dor eleições envelhecimento European Association for Palliative Care European Association of Palliative Care FMUSP Geriatria HCFMUSP Help the Hospices Henrique Parsons Hospital do Câncer de Londrina Hospital Premier Hospital Samaritano ICESP I Ciclo de Cinema e Reflexão I Congresso Lusófono de Cuidados Paliativos III Congresso Internacional de Cuidados Paliativos III Jornada de Cuidados Paliativos IMIP imprensa Instituto Paliar International Association of Hospice and Palliative Care IV Congresso Internacional de Cuidados Paliativos Julieta Fripp Luis Fernando Rodrigues Manual de Cuidados Paliativos ANCP Maria Goretti Sales Maciel Medicina Paliativa Ministério da Saúde opioides Organização Mundial da Saúde ortotanásia PEC petição promoção psico-oncologia Psicooncologia Revista Época Ricardo Tavares de Carvalho Roberto Bettega saúde pública sessão averroes Sessão Averroes de Cinema e Reflexão terapia ocupacional Terminalidade da Vida TV ANCP TV Globo Universidade Estadual do Rio de Janeiro V Ciclo de Cinema e Reflexão V Congresso Internacional de Cuidados Paliativos VI Congresso Latino-Americano de Cuidados Paliativos worldday Worldday 2009 World Palliative Care Alliance

Blog Stats

  • 50,302 hits

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 934 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: